Follow by Email

domingo, 29 de janeiro de 2012

POLITICAMENTE CORRETO INC.




   


Notícia recente - Brasil já é a 6ª economia do mundo passando a Inglaterra. A mídia chapa branca encampou a ideia e vendeu como verdade absoluta.

A nota divulgada em tom oficial é uma verdade relativa, se tanto. Somos um país em desenvolvimento (meus avós já ouviam essa ladainha...) e, num momento turbulento e complicado para a União Europeia, países como o Brasil conseguem pegar o vácuo e respirar melhor que os outros, que há tempos vem patinado em seus próprios mercados.Então,essa melhora é mais devido aos constantes erros dos chamados países grandes (hoje, não tão grandes assim) do que propriamente da lição bem feita pelos governos brasileiros.

Mas o fato de estarmos na 6ª posição não é pra comemorar com narração de Galvão Bueno (Haja coração,amigo!) e sim, analisarmos outros índices que devem pesar na avaliação.Estamos na 84ª posição no Índice de Desenvolvimento Humano e isso,em si já é algo a lamentar. A desigualdade social no nosso país é tão abissal, comparada apenas com o continente africano.

Em educação (e isto é muito relevante) perdemos até para os nossos  vizinhos Argentina, Paraguai, Chile, Uruguai entre outros.N o cômputo geral na América Latina ficamos a frente apenas do Haiti, o que é lastimável com o potencial que o Brasil tem.

Em circunstancias diferentes, num momento atribulado também para os americanos, poderíamos polarizar o discurso no continente, fazendo valer o enorme peso político que eventualmente teríamos, devido a fragilidade dos EUA e sua decadência previsível.É evidente que houve muitas melhoras, mas muito aquém do que a nação precisa para realmente ser digna de estar em 6º lugar na economia mundial.



Nenhum comentário:

Postar um comentário