Follow by Email

sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

Briga de Gente Grande




                      Nos últimos dias vários duelos estão em destaque na mídia,pelos motivos mais diversos.Vamos a eles:

                     1º  Round -
                 O capitão do navio Costa Concordia, Francesco Schettino vs Capitania dos Portos devido a colisão. Resultado - perderam todos,as vítimas,as famílias,a empresa e o próprio capitão,campeão de negligência e incompetência,banalizando a vida de uma forma assombrosa.

                     2º  Round -
                 Ministério Público vs Ministério da Educação devido ao Enem. Resultado - perdem os estudantes que buscam,através do Exame Nacional do Ensino Médio uma chance de ingressar em uma faculdade.Se por um lado a reivindicação de alguns alunos é pertinente e todos poderiam saber com detalhes sobre seus desempenho,por outro a lógica do ministério da Educação  também faz sentido,ao questionar porque só o Enem passa por essa contestação,já que a Fuvest,por exemplo,não.A Fuvest não apresenta tantos problemas como seu  similar federal.Mas já apresentou.E esses percalços devem servir como exemplo.Parar agora o processo de escolha das universidades e adjacentes pela 'burrocracia' do MP ou por incompetência do Inep,prejudica milhões de postulantes ao nível universitário.O que se pode fazer é tirar lição de tudo isso e fazer MUITO melhor no próximo Enem de abril,antes que as coisas piorem e muito,pra alegria da oposição.

                     3º  Round -
                   BBB vs sociedade brasileira. Resultado:perdemos todos nós,já que o programa continua a existir há doze edições,mostrou um suposto estupro que,parece não chegar em uma punição definitiva a quem o teria praticado e ao veículo que apresenta uma cena dantesca desta,os noticiários na mídia impressa que dão um espaço valioso a algo fútil e desagradável,retirando uma possibilidade de outras notícias relevantes chegarem aos leitores e a,tão combalida televisão brasileira,que quando esperamos uma melhora na qualidade da programação,nos decepcionamos de novo.

                    4º  Round -
                  Luiza vs Bom Senso. Resultado:perdem os frequentadores e usuários de redes sociais que,se já não aproveitam bem as oportunidades de livre acesso na internet para fazer algo mais salutar ou pra se discutir assuntos menos frívolos,encampam a primeira frase estúpida veiculada em comercial tosco sobre um condomínio de luxo na Paraíba para atropelarem o bom senso(e o bom gosto) e a lógica.Se essa é a utilidade básica de redes sociais como o Facebook e cia,então temos que rever a utilidade de 'ferramentas' como esta.

                    5º Round -
                  Flamengo vs Flamengo. Resultado: no 'front' de guerra em que se transformou a Gávea nos últimos dias,com brigas por salários atrasados,incompatibilidades de gênios,renovações que não acontecem e com um total despreparo de dirigentes ditos"profissionais",que deveriam resolver os problemas de janeiro em novembro,perdem os torcedores.Daí, pra uma temporada patética,sem chances de títulos e até vislumbrando segunda divisão é um pulo.

                   6º  Round -
                  Sites vs Governo Americano. Resultado:entre mortos e feridos,por enquanto só o site de compartilhamentos Megaupload sofreu na pele os efeitos desse duelo,que pode ferir a primeira emenda americana,que fala sobre a liberdade de informação e expressão.Se de um lado há gigantes como os estúdios de Hollywood a favor da lei do representante Lamar Smith,de outro há gigantes também,como Google,Facebook,Wikipedia,Mozilla,Twitter,E-bay.E,é claro,a população como um todo,não só nos EUA.Esse é um assunto que diz respeito a todos plugados na rede mundial de computadores,afinal mexe com algo que muitos usufruem nos últimos anos,sem oposição até agora:livre acesso.Alterar isso pode fazer com que,no cenário americano,por exemplo,Obama se prejudique em ano eleitoral.Vale a pena tocar nesse vespeiro sem as devidas ressalvas?Entre ontem e hoje ,os hackers já deram um singelo recado:ameace tocar nos nossos direitos e iremos derrubar seus sistemas(de computação). E se nem o departamento de estado dos americanos escapou do ataque virtual,então ninguém está a salvo.


Nenhum comentário:

Postar um comentário