Follow by Email

quinta-feira, 22 de maio de 2014

O Destino de todo artista decadente é se tornar Evangélico




O começo de carreira geralmente é igual. Rostinhos bonitos, romances com famosos, intimidade exposta em demasia, ensaio sensual para revistas e depois de inúmeras tentativas de sucesso –muitos não se conformam com apenas 15 minutos de fama – a reviravolta da vida é inevitável.


                     (Perlla, ex cantora funk)  

Passado um tempo, a mídia já não os quer. Suas polêmicas já não vendem e nem sua aparência parece ser palatável ao sistema. Vivem do que plantaram e tentam colher, mesmo quando não tem de onde tirar novidades. Nesse caso, simplesmente provocam algo para chamar a atenção.


                     (Bruna Tavares, ex BBB)

As vezes dá certo, mas o ridículo a que são expostos chega a raias do absurdo. Bom, alguns não se importam.


                     (Carla Perez, ex cantora e apresentadora)

Sem mais opções na TV (programas, novelas, entrevistas ou mesmo como participação em festinhas) o jeito é improvisar. E o destino não é dos mais nobres. 


                     (Joana Prado, ex Feiticeira)

Muitos chegaram ao mundo erótico, posando para revistas de nu explícito, outros protagonizando filmes pornôs, que os levou à fortuna, mas ao mesmo tempo à humilhação pública. Os que chegam a esse limite são execrados do show business.


                     (Monique Evans, ex modelo e apresentadora)

A partir daí é um caminho sem volta. O risco que correram cobra um preço, e  o meio para se salvarem  chama-se RELIGIÃO.


             (Netinho, ex cantor de pagode e agressor da ex mulher)

Estas celebridades, muitos artistas genuínos, outros apenas arremedos, tem um discurso em comum: haviam chegado ao fundo do poço em suas vidas e a fé os “salvou”. 


                     (Regininha Poltergeist, ex modelo e atriz pornô)

Mas os excessos e as derrapadas em suas carreiras eram em virtude de suas próprias escolhas equivocadas. Os vícios, o sexo promíscuo, a vida desregrada eram consequência de um caminho tomado voluntariamente por eles.


                     (Mara Maravilha, ex apresentadora infantil e cantora)

Em um minuto tinham o mundo a seus pés; em outro, vivenciavam um inferno astral.


                     (Baby do Brasil, ex cantora)

São todos EX. Ex cantores (as), atores, atrizes, “modelo/atriz”, apresentador (a), BBB, pseudocelebridades... A lista é extensa.


                     (Valeria Valenssa, ex Globeleza)

Existem também celebridades que descambaram para o crime. O assassino de Daniela Pérez e Suzane von Richthofen, que matou os pais e virou pastora, por exemplo.


                     (Guilherme de Pádua, ex ator)



       (Suzane von Ritchthofen, ex rica mimada e assassina dos pais)


Muito longe de ser uma catarse em suas vidas, a “conversão” serve quase como um selo de qualidade aos olhos do público. Em um país majoritariamente cristão, um pecador arrependido se tornar evangélico é sinal de deus em suas vidas. Só que não.


                     (Rodolfo, ex vocalista da banda de rock Raimundos)

Querem mudar drasticamente a visão que o público nutre deles. Nem o melhor marqueteiro conseguiria tal proeza; o jeito é ser “de deus”. Quase sempre cola. É só contar quantos voltaram à mídia e conseguiram inclusive, vender livros e CDs com suas miraculosas metamorfoses.


                     (Viviane "Ronaldinha", ex  modelo e atriz pornô)

Longe de ser algo pejorativo, essa transformação que os levou a uma autocrítica, muitas vezes os salvou também de algo pior. Se fosse algo crível.

Muitas vezes, além do arrependimento de suas vidas embaraçosas, ainda há o fato de se posicionarem de maneira conservadora e até irracional sobre assuntos sérios. 


                     (Myrian Rios, ex atriz)

No que tange a sexo, a mudança é de 180º. O que antes servia e era "prato do dia", virou pecaminoso e digno de reprovação. Claro, já não tem tanta serventia como antes...

Passam a fazer suas pregações via imprensa condenando e julgando seus semelhantes de maneira vergonhosa.


                     (Cida Marques, ex atriz e modelo)

Para muitas “estrelas” de outrora, serve também como uma mea-culpa; algumas Marias Chuteiras e modelo/atriz se encaixam nesse perfil. Para outros, apenas o status é que vale.


                     (Rafael Ilha, ex cantor)

Enquanto houver os que os acolham, mais como uma jogada de marketing para suas respectivas igrejas, e houver quem acredite nessa mudança brusca de comportamento, tudo bem. 


                     (Sula MIranda, ex cantora sertaneja)

Mas entre o que estes famosos querem e a VERDADE há uma diferença abissal.



                               (Sarah Sheeva, ex cantora) 










2 comentários:

  1. Envelheceu, caiu a bunda e oS seios. porque nao se tornarem as hipocritas barangas de Cristo!

    ResponderExcluir
  2. a mesma hstoria para todos, batem com a cara no fundo do poço e depois acham o caminho certo

    ResponderExcluir