Follow by Email

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

UMA MULHER ALÉM DE SEU TEMPO



Simone Weil
 
Autora de clássicos como Opressão e Liberdade e A Condição Operária,Simone ousou reescrever as teses do comunismo de Marx e Eangles,de maneira crítica,mostrando seus pontos falhos e o porque da dificuldade em implementá-lo na sociedade como um todo.Tendo ,ela mesma,sido operária metalúrgica,pôde compreender melhor que o planejamento da produção estaria para cair nas mãos do proletariado,mais cedo ou mais tarde,como fato inevitável.Mulher a frente de seu tempo,lutou na guerra civil Espanhola ao lado dos republicanos, e na Resistência Francesa
em Londres.
Era chamada de a "Virgem Vermelha" por suas alunas ,em uma escola secundária onde dera aulas no início dos aos 30,quando disse que 'o mundo é o local ideal para o intelectual estar',numa alusão ao momento efervescente na política global,naquele momento.Em 1940,vai para Marselha,devido a invasão nazista na França.Lá,descansava em um saco de dormir e escrevia muito(e com propriedade)sobre o mundo ao  seu redor,questionando o nazismo,o fascismo e o stalinismo.Em 1942 emigra para os EUA,e ao voltar colabora novamente com a resistência,oferecendo-se como paraquedista para ajudar num ataque contra a Alemanha.Chegou a dizer repetidas vezes que não tinha o direito de comer mais do que seus camaradas na França ocupada, e por isso deixou-se passar fome até que teve de ser hospitalizada. Em abril de 1943 recebeu o diagnóstico de tuberculose.Enviada para um sanatório no campo, recusou-se a se alimentar, insistindo que suas refeições deveriam ser mandadas para os franceses.Morreu aos 34 anos de idade de parada cardíaca em Ashford,Kent.Uma rua da cidade foi batizada com o seu nome.

Nenhum comentário:

Postar um comentário