Follow by Email

segunda-feira, 30 de abril de 2012

ASSIM CAMINHAM OS EUA COM SUA AGENDA NAZISTA...






















É fácil entender a agenda secreta dos americanos. Precisam de petróleo mas não têm o suficiente,então...


Leia também:

A destruição do sonho americano de Detroit





A tentativa de invadir a Síria foi devido a concentração de gás natural no país. Os recursos que os americanos não tem são os que eles ambicionam mais. Se não fosse a providencial intervenção da Rússia, haveria a possibilidade de Bashar Al Assad se transformar em um novo Saddam Hussein.

A recente ida de soldados dos EUA ao Sudão do Sul evidentemente não se deu por razões humanitárias, e sim por suas reservas de petróleo. Governo americano, seja qual for, luta apenas e tão somente por seus interesses mesquinhos. Mesmo que isso deixe inúmeras vítimas no caminho. O que importa é se manter como dono do jogo. 

Basta fazer um exercício de memória. Quando o Iraque invadiu o Kwait, um dos principais produtores de petróleo do planeta, George Bush (pai) mandou seus marionetes para defender a todo o custo seu aliado. Mas em momento algum da história, os Estados Unidos se predispuseram a ajudar ou defender os palestinos vítimas das barbáries israelenses. Uma das nações mais pobres do mundo, A palestina não tem outo, diamantes ou recursos naturais. Mas tem a razão ao seu lado. Motivo principal para os EUA estarem do lado oposto.

A Venezuela, fornecedora de combustível ao Tio Sam, quando tentou aumentar os valores do produto, recebeu uma negativa de George Bush (filho) e uma tentativa de golpe para desestabilizar Hugo Chávez. Pífio esforço para se apossar de algo que não lhe pertencia.

E essa é a agenda da nação que, presunçosamente, se intitula "terra da liberdade, lar dos corajosos"... 

Hitler ficaria orgulhoso...



Nenhum comentário:

Postar um comentário